Educação de filhos

Elogie do jeito certo

As crianças “inteligentes” não querem o sentimento de frustração de não conseguir realizar uma tarefa, pois isso pode modificar a imagem que os adultos têm delas.

Todosnós conhecemos jovens inteligentes que não passaram no vestibular,enquanto aqueles “médios” obtiveram a vitória. Os inteligentesconfiaram demais em sua capacidade e deixaram de se prepararadequadamente. Os outros sabiam que se não tivessem um excelentepreparo não seriam aprovados e, justamente por isso, estudaram mais,resolveram mais exercícios, leram e se aprofundaram mais em cada umadas disciplinas.

No entanto, isso não é tudo. Além dos conteúdos escolares, nossos filhos precisam aprender valores, princípios e ética. Precisam respeitar as diferenças, lutar contra o preconceito, adquirir hábitos saudáveis e construir amizades sólidas. Não se consegue nada disso por meio de elogios frágeis, focados no ego de cada um. É preciso que sejam incentivados constantemente a agir assim. Isso se faz com elogios, feedbacks e incentivos ao comportamento esperado.

Nossos filhos precisam ouvir frases como: “Que bom que você o ajudou, você tem um bom coração”, “parabéns, meu filho, por ter dito a verdade, apesar de estar com medo… você é ético”, “filha, fiquei orgulhoso de você ter dado atenção àquela menina nova em vez de tê-la excluído como algumas colegas fizeram… você é solidária”, “isso mesmo, filho, deixar seu primo brincar com seu videogame foi muito legal, você é um bom amigo”. Elogie do jeito certo!

Poroutro lado, elogiar superficialidades é uma tendência atual. “Quelinda você é, amor”, “acho você muito esperto, meu filho”,“Como você é charmoso”, “que cabelo lindo”, “seus olhossão tão bonitos”. Elogios como esses não estão baseados emfatos, nem em comportamentos, nem em atitudes. São apenas impressõese interpretações dos adultos. Em breve, crianças como essas farãochantagens emocionais, birras, manhas e “charminhos”. Quandoadultos, não terão desenvolvido resistência à frustração, e a fragilidade emocional estará presente.


Referências: filhos, educação, ensino, incentivo, elogie do jeito certo.